Sudeste

A região Sudeste, composta por São Paulo,Rio de Janeiro, Minas Gerais e Espírito

Santo, tem, segundo o Censo IBGE de 2010, 80.353.724 habitantes.

Por causa do intenso movimento urbano e o agricola, que tem destaque para o plantio de cana-de-açucar, café, algodão e soja, grande parte da vegetação nativa não existe mais.

Grande parte da população brasileira abita a região sudeste. As cidades mais populosas do Brasil estão no Sudeste. São elas: São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte. O crescimento desordenado destas cidades tem gerado, nos últimos anos, sérios problemas sociais. No sudeste se encontra um intenso desenvolvimento de indústrias automobilísticas, alimentícia, metalúrgicas, tecnológica e muitas outras.Os setores de serviço e comércio também tem grande importancia, fazendo da região Sudeste a mais industrializada de todo o Brasil.

..
.
.
Aspectos gerais da Região Sudeste
.
  • São Paulo:
-> São Paulo é a maior metrópole brasileira.
-> o PIB de sua capital é maior do que o PIB de paises como Israel e Chile, sua economia seria a quadragéma maior do mundo.
-> Sua população está em torno de 16 milhões de pessoas e é a mais populosa do Brasil.

-> Os 65 municipios juntos de São Paulo são capazes de abrigar 12% da população brasileira.
-> São Paulo antes era conhecida como “Cidade da Garoa” pois era normal ver Garoas e nevoeiros por lá.
-> Seu Clima é Tropical de Altitude varia gealmente entre 19º C e 27º C.
-> A maior parte da economia Paulista vem das Transnacionais.
..
.
.
.
  • Espirito Santo:
-> O PIB deste estado é baixo em relação aos dos outros estados da mesma região (Sudeste).
->Sua população está em torno de 3 milhões de habitantes
->O estado tem em torno de 46 077,519 km².
->Existem 2 tipologias climáticas neste estado, Tropical na Baixada Litorânea e Tropical da Altitude na região serrana.
-> O municipio de Vitória tem o maior IDH do Espirito Santo, com a classificação de elevado.
->A economia do Espirito Santo te como principais atividades economicas as atividades portuárias.
.
.
.
.
  • Rio de Janeiro:
-> O Rio de Janeiro é a segunda maior metrópole brasileira, logo tem també o segundo maior PIB do Brasil.
-> O clima no Rio é Tropical (temperaturas elevadas com média anual por volta de 20°C, presença de umidade e índice de chuvas de médio a elevado).
-> O território do Rio De Janeiro tem em torno de 43.696 km².
-> O Rio tem em torno de 8 milhões de habitantes.
-> A principal atividade econômica no Rio de Janeiro é o turismo.
-> O municipio do Rio de Janeiro é o segundo no IDH do estado, sendo considerado elevado.
.
.
.
.
  • Minas Gerais:
-> O PIB de Minas é m dos maiores do Brasil, junto com o Rio de Janeiro e São Paulo, e este ano cresceu mais do que o da média nacional.
->O território de Minas Gerais tem aproximadamente 586.528 km².
->Minas tem 2 climas , o Tropical (temperaturas elevadas com média anual por volta de 20°C, presença de umidade e índice de chuvas de médio a elevado) e o Tropical de Altitude (temperatura médias variam de 15 a 21º C. As chuvas de verão são intensas e no inverno sofre a influência das massas de ar frias vindas pela Oceano Atlântico)
->A capital de Minas é a segunda aior no IDH do estado, com percentual elevado.
->Pricipais atividades econômicas: Agropecuária e Indústria.
..
..
.
..
Aspectos físicos da Região Sudeste
..
  • Vegetação:

A região sudeste tem como vegetação predominante a Mata Atlântica. Que é uma floresta tropical, ela se mantem rica e exuberante nas regiões do litoral, onde a umidade é maior, favorecendo assim arvores bem altas com cipós. Existem também inúmeras palmáceas, elas estão quase extintas. Se acumulam nas encostas mais íngremes. A umidade favorece esse tipo de mata no interior do sudeste onde a mata fica menos densa. Do sul de são Paulo ate o Rio Grande do Sul se estende a mata de araucária, varias chuvas ao longo do ano favorecem
esse tipo de vegetação.

Existem também muitas plantas pontiagudas como o pinheiro do Pará, que se desenvolve normalmente em regiões vulcânicas. Existem as matas ciliares, que se encontram mais no interior ao longo dos rios, sendo assim mais úmidas. O cerrado que se localiza nas áreas tropicais, possuem árvores baixas e vegetação rasteiras. No norte de Minas Gerais se encontra a caatinga.
.
  • Hidrografia:

A região sudeste são encontrados rios de planalto, o que gera grandes possibilidades de aproveitamento hidrelétrico. Os principais rios de água doce na parte leste são Paraíba do Sul, Jequitinhonha, rio Pardo, Mucuri e Ribeira do Iguapé. As principais bacias na região norte são as do rio Paraná e do rio São Francisco.
.
.
  • .Relevos da região sudeste:
.
A região sudeste tem 4 tipos de relevo planície, serras, planaltos e a depressão.
A planicie (localizadas no litoral), tem larguras variáveis e começa no litoral nordestino e vão até o sul (Rio Grande do sul) passando pelo litoral do sudeste.
Minas Gerais tem seu relevo marcado pelas serras e o planalto oriental, que é o tipo de relevo mais comum da região sudeste, eles são marcados por grandes serras e paredões de pedra.
Támbem presente em Minas Gerais e em São Paulo, temos o planalto meridional que tem variações de pedras mais e menos resistentes.
A depressão periférica é um solo baixo e plano, esses são os tipos de relevo da região sudeste, e graças à esses relevos temos formações como o Pão de Açúcar e a serra da Mantiqueira.
 
.
.
  • .Climas da Região Sudeste:
.
Existem 3 tipos de climas na região sudeste, 2 tropicais (tropical de altitude e tropical) e o subtropical. O clima tropical é o mais comum na região sudeste e é

caracterizado pelas chuvas no verão e seca no inverno.
O clima tropical de altitude é um clima mais fresco, ou seja, com temperaturas nem tão quentes ou muito frias.
O clima subtropical, ao contrário dos outros 2 climas, tem uma boa distribuição de chuvas e uma grande variação de tempera
..
..
.
.
Aspectos sociais e econômicos da Região Sudeste
.
.
  • .Saúde na Região Sudeste:
.
A região sudeste possui uma ampla cobertura dos serviços oficiais de saúde, e receberá
uma verba de R$ 31,7 bilhões do governo para serem utilizados nos proximos quatro anos e somará a verba do Fundo Nacional de Saúde.
A verba será utilizada para a ampliação da assistência da população de forma estruturada aumentando, por exemplo, número de equipes do Programa Saúde da Família – que hoje é de 8.167 para 12.129. E de Agentes Comunitários de Saúde – que hoje são 56.797 para 64.956 agentes. Está prevista ainda a construção de 3.319 Unidades Básicas de Saúde em toda a região Sudeste, para atender áreas metropolitanas e cidades com menos de uma unidade de saúde para cada 20 mil habitantes.
Apesar da grande cobertura, o sistema de saúde possui grandes falhas. Os hospitais muitas vezes tem filas quilométricas, e não são capazes de receber todos os pacientes, hospedando-os nos corredores e entradas dos estabelecimentos. É uma situação muito grave em que se encontra a saúde no Sudeste, mas como se pode ver, está sendo feito um investimento pesado na area.
INFORMAÇÕES GERAIS DA SAÚDE NO SUDESTE:
– 228 hospitais credenciados (HC) para o atendimento dos pacientes soropositivos e/ou doentes de aids
– 179 unidades para o atendimento às outras DST
– O Estado de São Paulo possui 154 unidades, o Rio de Janeiro 47, Minas Gerais 21 e Espírito Santo 2.
– Em todos os estados da região foram implantados o Serviço de Assistência Especializada, o Hospital-Dia e o Atendimento Domiciliar Terapêutico, perfazendo um total de 35, 25 e 22 unidades, respectivamente.
– 62 Centros de Testagem e Aconselhamento
– 29 laboratórios de referência
– 31 unidades conveniadas para promover a capacitação de recursos humanos
– 9 unidades para a vigilância epidemiológica do HIV/Aids
– 12 unidades para cuidados da sífilis congênita.
..
.
..
.
  • .A economia do Sudeste

..
A região sudeste possui a economia mais desenvolvida e industrializada entre os cinco estados. Por conter as maiores montadoras e siderúrgicas do país, que causa uma grande movimentação, sua economia é muito diversificada. A maior concentração do PIB se encontra em São Paulo (36,5%) que, mesmo depois de ter sofrido uma redução de investimentos devidos a incentivos fiscais adotados por outra regiões na época de 90, consegue manter essa porcentagem até hoje. A região sudeste possui também um elevado padrão produtivo e técnico no setor da agricultura, a produção de café, laranja, cana-de-açúcar e frutas está entre as mais importantes do país.

  • ..Produção Mineral:
Destaca-se Minas Gerais com a produção de minério de ferro. O estado também produz calcário, zinco, alumínio, ouro (pequena quantidade) e água mineral. Em São Paulo se destaca a produção de calcário, dolomita e chumbo (este, no sul do estado, no Vale do Ribeira). No Rio de Janeiro se destacam a produção de petróleo (que representa mais de 60% da produção brasileira), gás natural e sal marinho. O Espírito Santo também tem uma importante produção petrolífera.

.

  • Produção Agropecuária:
Se destacam na região os estados de MG e SP. No primeiro, destacamos a produção de milho, soja, café, mandioca, arroz e feijão, e também sua pecuária leiteira. No segundo, cultivos para exportação de soja, laranja, café e cana-de-açúcar, e também banana, algodão (60 % da produção nacional), milho, tomate e batata. Há também criação de bovinos, aves, e cavalos de raça.
..
.
  • Setores da economia do Sudeste:
.
  • Setor Primário

O setor primário da região Sudeste se subdivide em agricultura e pecuária. A agricultura da região se expandiu devido ao fértil solo, chamado de Terra Roxa, destacando a cana-de-açucar, soja e laranja.

A cana-de-açúcar fica na Baixada Fluminense e na Zona da Mata mineira, enquanto a laranja fica em São Paulo. O comércio da soja vem se expandindo muito, visto que é usada por indústrias de óleo, ração de animais e sucos.

A pecuária também tem destaque, sendo o 2° maior rebanho bovino do país. A produção de carne bovina e suína propicia o desenvolvimento de indústrias de laticínio e frigoríficos. No estado de São Paulo se concentra as maiores produções de ovos e criação de aves, aproximadamente 40% do total do país.

.

  • Setor secundário

O setor secundário é focado nas indústrias. Temos siderúrgicsa e a metalúrgicas, como a CSN, em Volta Redonda e a Companhia Siderúrgica de Tubarã,o em Vitória.

As indústrias petrolíferas estão no Rio de Janeiro, Bacia dos Campos, em Paulína, REPLAN, e também tem a atividade de refino, em São Paulo. Já as indústrias de alta tecnologia incluem o “Vale do Silício” brasileiro, em São Paulo, São Jose dos Campos, Campinas e São Carlos. Também incluem informática, telecomunicação e eletrônica.

.

  • Setor terciário

O setor terciário é dividido em ciência, transporte e turismo. Na primeira parte, temos grandes pólos de pesquisa e desenvolvimento, principalmente em São Paulo, Campinas e Rio de Janeiro.

A região Sudeste do Brasil tem a mais alta taxa de urbanização e melhor infra-estrutura para transportes do país. Além de ter tido grande expansão de ferrovias por conta do café e a expansão portuária, influenciada pelo desenvolvimento industrial e suas importações e exportações. Há também grandes aeroportos como o Galeão, Guarulhos e Santos Dummont, e fica faltando navegações fluviais, que são pouco exploradas.

Em relação ao turismo, o Sudeste tem, no Rio, o carnaval, as belas praias e pontos turísticos como o Cristo Redentor. São Paulo é o centro financeiro do Brasil, Minas Gerais tem belíssimas cidades históricas, como Ouro Preto e Tiradentes, e no Espírito Santo tem, além de praias, regiões montanhosas.

2 thoughts on “Sudeste

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s